top of page
  • Foto do escritorVilmar Bueno, o ESPETO

Polícia Civil/SC segue batendo recordes de produtividade em 2023



Estado A Polícia Civil de Santa Catarina segue batendo recordes de produtividade. Exemplo disso é o número de prisões, resultado direto de investigações consistentes. Apenas nos primeiros sete meses deste ano foram presas 2.969 pessoas, número superior a todas as prisões efetuadas ao longo de 2021, que fechou o ano com 2.955 pessoas presas. Em relação ao mesmo período do ano passado, ou seja, entre 1º de janeiro a 25 de julho, a Polícia Civil aumentou em 45,18% o número de prisões. Em relação ao cumprimento de mandados de busca e apreensão os números também são positivos, com um incremento de 50% no período.

De acordo com o delegado-geral, Ulisses Gabriel, a chegada de novos equipamentos, a atualização constante dos policiais civis – apenas neste ano a Acadepol realizou mais de 2,1 mil capacitações -, a revitalização de estrutura e o planejamento estratégico que contou com a participação de centenas são alguns dos fatores motivadores na PCSC.

“Quando o governador Jorginho nos chamou para assumir a condição de Delegado-Geral da PCSC pediu que construíssemos um planejamento estratégico para os próximos anos, levando em conta efetivo, orçamento, qualificação, valorização das pessoas, melhoria de processos, qualidade no atendimento e governança. Com essa missão centenas de pessoas colaboraram para que nosso planejamento estratégico 2024-2036 fosse produzido e será lançado na quinta, dia 27/07. A liderança do governador tem inspirado a PC a trabalhar cada vez mais. Os resultados de 2023 são surpreendentes, graças a cada policial, contratado e estagiário da nossa instituição”, assinalou o delegado Ulisses.

Em relação a mandados de busca e apreensão os números também são positivos. Entre os dias 01 de janeiro e 25 de julho, os policiais civis cumpriram 4.127 mandados de busca e apreensão. Isso representa um aumento em cerca de 50% na obtenção de mandados junto ao Poder Judiciário, se comparado a igual período do ano passado. Para se ter uma ideia do trabalho que os policiais civis estão desenvolvendo, o dado referente aos primeiros sete meses de 2023 é superior a todo o ano de 2019, quando foram cumpridos, ao longo de 12 meses, 3.704 mandados de busca e apreensão.

Fonte: ASCOM | PCSC Assessoria de imprensa da Polícia Civil de Santa Catarina

Comments


bottom of page