top of page
  • Foto do escritorVilmar Bueno, o ESPETO

Balanço das ações e compromissos nos loteamentos do Minha Casa Minha Vida - FAR



São Bento do Sul

Na última terça-feira (28), representantes do Grupo Institucional do Poder Público - GIPP estiveram reunidos juntamente com representantes da Caixa Econômica Federal e empresa Acordar Treinamentos, no Centro Administrativo Leopoldo Zschoerper, para analisar as ações e compromissos da Prefeitura junto aos moradores dos dois loteamentos do Programa Minha Casa Minha Vida - FAR existentes no município: Alpestre I e II e Parque Santa Fé, entregues em 2011 e 2022, respectivamente.

No que se refere ao loteamento Alpestre I e II, questões relacionadas à saúde, educação, transporte público entre outras áreas já puderam ser solucionadas com o esforço desse trabalho de acompanhamento, no decorrer dos anos. Quanto ao Parque Santa Fé, alguns pontos elencados no Instrumento de Compromisso Matriz de Responsabilidades, firmados pelo ente público em novembro de 2017, ainda estão em fase de implantação.

Segundo o diretor da Empresa Municipal de Habitação (EMHAB), Adriano Cubas, este trabalho envolve integrantes de diversos órgãos públicos do município, incluindo Polícia Militar, secretarias de Educação, Saúde, Esporte, Assistência Social e Planejamento e Urbanismo. "A Prefeitura vem trabalhando no sentido de resolver as demandas trazidas pela comunidade, visando garantir o acesso aos equipamentos comunitários, bem como manter a estrutura desses loteamentos".


Ainda conforme Adriano, atualmente a empresa Acordar Treinamentos, contratada pela Caixa Econômica Federal, é quem coordena, em parceria com a Prefeitura, o trabalho social, que é um dos condicionantes em empreendimentos do MCMV-FAR. "As técnicas que realizam o trabalho social repassam ao GIPP as demandas trazidas pela comunidade e buscamos resolver os problemas apresentados, tanto na área de segurança pública, quanto ao desenvolvimento de outros programas que visam beneficiar toda a população”, destacou.


A Caixa Econômica Federal disponibilizou o contato telefônico para denúncias de ocupações irregulares: 0800 104 0 104.

Questões de vizinhança (perturbação do sossego) e criminalidade devem ser direcionadas para o 190.

Assessoria de Comunicação

Prefeitura de São Bento do Sul


Comments


bottom of page